27 novembro, 2008

Coragem de amar é coragem de ser livre.


Amar não tem razão, tempo ou idade
Ser liberto pra tudo o que vier
A Coragem de amar gera fraternidade
Livre pra estar sempre onde a justiça estiver

Amar te remete a doação
Arriscar-se a cada envolvimento
Mas envolver-se é a grande aventura
Não existe nada além de "relacionamento"

Tudo é relacionamento a toda hora
Todo instante a todo momento
Que seja então forte com coragem
Sem fugas ou ressentimento

Cada um escolhe onde quer estar
com quem , porque e pra que
Então não há culpa ou culpado
Fica sim a experiência, e a fibra de ter tentado


E tenta, com o coração ,com teu âmago
Com o melhor que te constitui
Usa teus talentos e ama sem medo
Que nada nunca substitui.

Uma pessoa é mais que libido
É mais que um orgasmo ,um gozo
Não tenha alguém pela metade , dividido
Tenha inteiro, completo, poderoso

Trabalho dará e muito, é preciso querer
Disposição para ter , gostar ou perder
Porque somos diferentes, uns já maduros
Outros ainda sonhadores ou até os inseguros

Olha...vem cá, senta aqui
Quando você amar , ame sem displicência
Saiba que no outro também bate
Um coração que nutre essa mesma essência.






Yves Montand/Sous Le Ciel De Paris


Um comentário:

Ana Bernasconi disse...

Poxa, Miguel, que coisa linda isso aí hein? voce vai me fazer parar pra pensar com essa poesia.vou te falar uma coisa: teu texto anterior, to vivendo uma experiencia semelhante, entao imagina o nó que tá dando na minha cabeca ne? logo eu.Nao comentei o texto porque aquilo ali é fofo demais e é "uma história de voces dois" ahah ali cabe o comentario de só alguem e nenhum mais intruso ...rs..,mas vou te falar,esses 2 textos me tocaram pela proximidade de historias... é fio , tamo na roça... o jeito é encarar a paixão com suas delícias e dores, nao? espero dar conta disso...